domingo, 29 de novembro de 2009

Blogagem coletiva - Dia internacional da não violência contra as mulheres...

Dia 25 de novembro – dia internacional da não violência contra as mulheres. E as Luluzinhas foram convidadas a postar sobre o assunto.
No blog 30 & Alguns estão todas as informações sobre o assunto que também foram notificadas pela Sam no: A Vida como ela é.
Estava no Twitter ontem quando li a indignação da Denise, ao saber da violência cometida ontem contra uma jovem no Rio de Janeiro. E não tem lugar específico...Acontece a toda hora e no mundo todo. A postagem é para E para terminar o fui ver o filme Anjos Rebeldes, que mostra a luta pelo direito ao voto, pelas mulheres.
Não sei ver, olhar violências, onde elas estejam, sem ficar indignada. Acredito que é um tipo de intimidação. Muito usada e disfarçada entre nós e infelizmente...
Você até pode ter sofrido uma, mas não percebeu. Assim, mesmo que existam pessoas que não acreditem, no poder já reclamação, que isto é coisa de mulher, penso que reclamar, tem sim poder de mudança. E temos muitos exemplos a serem dados por aí, que não são citados. E o Serviço de Atendimento ao Consumidor? Quer ganho maior do que este?
E para não dizer que não falei das flores: torno a reafirmar que a violência é um tipo de intimidação. A intimidação é um tipo de violência. Seja lá quem estiver usando, para que objetivo for, não tem desculpa. Ponto final.

Como este assunto tem pano para manga, para muita manga, vai continuar em outro texto. Então, se você tiver uma boa história para contar, pode mandar. Conto aqui...

Beijos,
Anny(@Annyllinha)

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Blogagem Coletiva:sobre Inclusão Digital ...


Inclusão Digital...



Quando Sam me convidou para escrever sobre Inclusão Digital, fiquei pensando nas minhas amigas de caminhada. Só uma delas, sabe acessar computador, usar celular e outras coisas relacionadas com tecnologia. As outras não mostraram grande interesse. Quer saber? Fiquei desapontada. Não que elas precisem ter um blog, 3 ou 4 celulares, iPods (como a Martha Medeiros), entender e jogar PlayStaytion...Nada disto. Mas saber o básico. Como por exemplo, mandar uma mensagem pelo celular,gravar os novos contatos saber fazer pagamentos em bancos... E principalmente, lembrar...
Não estavam interessadas. Uma pena, porque aprender faz parte do estar vivo. Faz com possamos descobrir outras janelas. Principalmente, quando as nossas estão nubladas e sem sol...
Nunca podemos esquecer que aprender, faz com que nossos neurônios se espreguicem, façam alongamentos, Pilates, Yoga, e academias para ganhar massa muscular com a musculação...e novos amigos: Carol, Márcio e Tiago(treinadores da Academia Corpo Livre)
Tá bom, estou exagerando só um pouquinho, é para você dar risadas. Mas no fundo, é um pouco disto e para encompridar conversa e contar que ontem deixei de encontrar minha amiga. O motivo? Ela não me ligou, nem mandou mensagem para marcar o local de nos encontrarmos...Fui dormir muito desapontada me culpando. Não anotei o celular dela. Passou. Fazer o que? Hoje vou ligar e vamos rir muito da situação...
E quer saber o melhor da história? Ainda bem que tem. Ao ligar a TV no Jornal Nacional vejo uma notícia boa: “Cresce o interesse das pessoas com mais idade em cursos de computação”
As pessoas crescem enfrentado desafios. Precisam fazer isto a vida toda...

#Esta é a minha história pessoal e vocês leitores tem as suas. Querem compartilhar, linkar? Estejam à vontade.

Beijos.

Anny(@Annyllinha)

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

#luluzinhacampBa...




Sábado passado, dia 19 de novembro de 2009 foi o encontro das #luluzinhascamBa e foi um dos encontros mais bacanas que participei.
Sabe, quando você vai a um encontro onde não conhece os participantes, mas que jura já serem velhos amigos?
Pois foi exatamente isto que aconteceu. A princípio fiquei meio perdida, mas aos poucos fui descobrindo que qualquer lugar ou grupo estava ótimo para me enturmar, conhecer e aprender. Esta foi uma das minhas melhores escolhas feitas este ano...

Obrigada meninas ou melhor: LuluzinhascampBa!



Beijos.

Anny(@Annyllinha)

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Para que serve um livro...


Crédito para a foto de Turi.

Arte Brasilis: TATIANA BELINKY, A MENINA-ESCRITORA DE 90 ANOS

Vi uma entrevista com Tatiana Belnky, no programa Ação de Sergio G. que não me saiu da cabeça até hoje. No dia, anotei algumas coisas mas não fui adiante. Quer dizer, só comentei com minha vizinha, que pela primeira vez, tinha encontrado uma pessoa que se parecia comigo. E fiquei tão feliz. Meu dia ficou iluminado...e está até hoje,
quando revi o vídeo.
Ainda não conheço os livro dela, mas se na entrevista ela é assim, imagina só nos livros...

Para mim, livros são como rios...onde podemos navegar em busca de conhecimentos para ser, aprender, transformar...
E foi neles que aprendi parte do que sei hoje e parte do que meus olhos ainda procuram compreender.
Tatiana Belinky é uma menina de 90 anos. Tudo que desejo ser quando crescer...
Não é minha intensão escrever muito. Isto aqui é apenas uma nota para lembrar que existem pessoas especiais. Muito especiais que amam livros e os deixam em todos os lugares possíveis e maginários de uma casa ou apartamento: em baixo da cama, do lado, na cama, no guarda-roupa, no armário, na sala...livros e mais livros. Um rio de livros...( sei que é uma ideia muito doida, mas serve para entender que nada é definitivo.) Há sempre uma nova versão...inclusive do saber.


Até mais!
Beijos.
Anny.(@Annyllinha)

domingo, 15 de novembro de 2009

Uma fórmula para ser feliz...


Crédito para a foto de Aixa.

Andei pensando que posso "inaugurar minha própria fórmula de ser feliz".
Não preciso mais de seguir modelos, tenho uma caso de amor comigo mesma, não coloco nos outros a culpa dos meus erros, sou bem humorada, sei rir de mim mesma. Mas tem um pequeno problema: não sei receber críticas. Bem que faço um esforço danado...
Felizmente, sou capaz de compreender que não acerto sempre e se uma pessoa me explicar que me enganei, com certeza, agradeço e peço desculpas. Sabe, como é, aceitar os defeitos também faz parte do aprender a ser feliz...

Um bom domingo!
Beijos.
Anny(Annyllinha)

#Texto inspirado na crõnica "Baixo-Astral: de quem é a culpa?" do livro Trem-Bala de Martha Medeiros. Ed. L&PM POCKET - pág. 155

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Blogagem Coletiva: "Abre Aspas 3° Edição"



Entre os inúmeros poetas que posso escolher, um consegue desenhar com as palavras o que meus olhos lêm. E ele é Manoel de Barros. Para quem quiser saber mais a seu respeito é só visitar o link indicado aqui. E também apreciar o poema que transcrevo:

O Provedor

Andar à toa é coisa de ave.
Meu avô andava à toa.
Não prestava para quase nunca.
Mas sabia o nome dos ventos
E todos os assobios para chamar passarinhos.
Certas pombas tomavam ele por telhado e passavam
as tardes frequentando o seu ombro.
Falava coisas pouco sisudas: que fora escolhido para
ser uma árvore.
Lírios o meditavam.
Meu avô era tomado por leso porque de manhã dava
bom-dia aos sapos, ao sol às águas.
Só tinha receio de amnhecer normal.
Penso que ele era provedor de poesia como as aves
e os lírios do campo.

Tem quadro mais bonito do que este? "Um provedor de poesia"?

#Esta postagem faz parte da Blogagem Coletiva Entre Aspas proposta pela Lunna Venha e participe também...

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Receitas?...



Cada um de nós tem uma receita. Herdada, copiada, reciclada...não importa. Se dão certo, melhor ainda. Mas lendo o texto da @anaclaudiabessa: "Não existe milagre", podemos refletir melhor sobre o assunto...
Aqui vamos conversar sobre receitas. O que são receitas? São fórmulas cujos ingredientes usados para fazer um remédio, um bolo, uma geléia, etc e é tão bom quando dão certo, não é mesmo? Estão aí os blogs com inúmeras receitas para serem exploradas por nós.
Mas no fundo estamos à espera de um milagre. Um pá, pum! Dá certo. Não é mesmo? Pois é, e foi assim que descobri que os desodorantes fabricados hoje em dia, são na verdade, "antitranspirantes" Como assim? Não são desodorantes. São para você não suar...Fiquei indignada. Comecei a procurar uma outra alternativa. Comprei até um que se dizia: hipoalergênico, cuida da pele sensível... Não deu certo. Tive uma alergia que nem é bom lembrar.
Resolvi então usar um produto muito barato e ótimo para desodorizar as axilas: hidróxido de magnésio. Isto mesmo. Perfeito. Uma descoberta e tanto. Adorei e recomendo. E melhor ainda, custa barato.
Ah, a foto? Estamos na Primavera e nada como estas flores lindas para enfeitar o texto com um assunto tão polêmico...
E tem também o blog @futurodopresent onde foi escrito o texto da Ana Claudia Bessa.

YouTube

Loading...