sábado, 25 de setembro de 2010

E as conviccões...

"Nossas convicções é que impedem que a verdade se estabeleça em nossas vidas, são as convicções que nos aprisionam, nos limitam e nos  segmentam por grupos,impedindo que a  gente desenvolva nossa singularidade." Citação do livro "Montanha Russa" - crônica: Os inimigos da verdade. ( Martha Medeiros) Ed.  L&PM.

E assim vamos vivendo, acorrentados às crenças que um  dia descobrimos por  algum motivo,  situação, sentimento.
Saber que elas  podem estar nos prejudicando não ajuda. Somos  avessos a  mudanças, sejam elas quais forem. Resistimos  teimosamente...
Um dia acreditamos que o amor era   para sempre e hoje já temos provas suficientes que não é bem assim. Então não  é  melhor dar uma reciclada em  nossas crenças? Não é que  o amor deixou de existir, ele só não é como acreditamos  antes. Pode ter ficado melhor, mais  transparente, com melhores opções. Vai saber...
Sofrer por amor e só, é muito pouco para quem é capaz de reconstruir a vida todos os dias. Nossa criatividade, amor  próprio, pode nos dar  melhores  opções. Pode sim. 
Ah, já  sei  que escrever e pensar sobre  uma situação  que não é  minha,   é bem  mais fácil do que vivenciá-la.  Mas quem  disse  que não passei por isto? Viver é assim. Muitas experiências.  Umas bem dolorosas,   outras que precisam ser  deletadas  e  outras que servem  para refletir que está na hora de mudar. Qualquer  detalhe, serve para começar...
Só para lembrar que nada  é para sempre. Mesmo que nossa crença insista, em dizer o contrário.

Um bom  final  de semana!

Beijos.
Anny(@Annyllinha)


# Crédito para a foto de  Aixa

domingo, 19 de setembro de 2010

Blogagem Coletiva sobre A melhor parte que existe...

Um olhar de amor...

Para a blogagem de hoje proposto por quem  sabe escolher palavras.    Um tema inteligente e pouco explorado. E assim passei vários   dias buscando inspiração. Um poema pode resumir  tudo que que não  ouso dizer. Mas não tenho  poemas meus. Mário Quintana faz  este resumo por mim..."As reticências são  os três primeiros passos do  pensamento que continua por conta própria..." Se tenho um olhar  de amor aos que me cercam, vejo, trabalho e faço, posso dizer que esta é a melhor parte que existe em mim. O  meu olhar dirige minhas ações que vão  sendo reveladas durante o meu contato com o outro.
E assim é o grande desafio da convivência virtual e  real.
Obrigada, Elaine e Cintia!

Um  bom final de semana a todos os participantes e leitores.

Beijos.
Anny(Annyllinha)

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Sobre o amor...

Foto tirada com a Nikon COOLPIX 7900  - Uma flor para enfeitar o  amor.
O amor seduz? Ou somos seduzidos pelo amor?
Amor. Jamais escrevi sobre ele. Preferi viver seus acertos e desacertos...
Uma escolha que me fez fugir  de  colocar o amor em palavras e depois seguir  a receita.  Boa ou  ruim, foi  esta minha escolha. Não me arrependo. Talvez minhas palavras fossem  equivocadas  se tivesse  colocado o  amor no som  das músicas, nos poemas lidos. Ou não?
Ah, deixa para lá. Só o tempo  irá me dizer...



Beijos.
Anny(@Annyllinha)

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

YouTube

Loading...