quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

E sobre o perdão...


E sobre o perdão?
Escolher o perdão é sempre uma boa opção. Melhor para quem perdoa do que quem é perdoado. Mas, para chegar a esta conclusão tive que passar por várias situações desagradáveis. E todos nós temos. Não há como evitar. São amizades que chegam ao fim, casamentos, relacionamentos que precisam ter um fim. Estas coisas todas que se não são bem resolvidas, se não tiverem a palavra perdão no meio, vão ficar voltando e voltando sem parar. Chegou uma hora que cansei e pensei em como resolver isto e ele veio num insight: perdão. Como perdão? Ah, mas como assim? Pois é a única forma de deixar uma situação seguir seu destino. Tomar seu rumo. Uma atitude de consciência. E hoje aconteceu um episódio destes. Bem no meio da minha caminhada. Uma das pessoas que estavam comigo, resolveu falar sobre um assunto que detesto. Principalmente, pela manhã: contar o que viu na TV de mais horrível, de mais escabroso. Fiquei muito zangada e fui intolerante mesmo. Poxa! Logo de manhã! Fui embora logo. Mas fiquei pensando na situação “Que chato, fui grosseira.” Mil culpas me assaltando. No meio da manhã recebo o texto da Liliana: “O Ser Gentil”. Um texto muito bom, que conta como ela lidou com uma situação bem difícil. Lembrei logo dele “Gente, o bendito perdão!” e comecei a repetir “Eu me perdôo e te perdôo por esta grosseria.” E repeti e repeti. Feito um mantra, até que pude ver a pessoa sorrir para mim. Em minha fantasia, lógico. Isto funcionou para mim. Ótimo, mas como isto aqui não é uma auto ajuda, cada um vai ter que descobrir o seu. Foi penoso, difícil, mas aconteceu. Adorei! Deixei fantasmas “Vestidos para Matar”, onde eles devem e precisam ficar: fora da minha vida.


No seu texto “Perdoar é fácil.” Sam expõe as vantagens do perdão, que concordo plenamente, mas não com o título. Para perdoar é preciso um aprendizado, uma atitude interna. E não é porque enumero as vantagens, que vou modificar. Não vou. É difícil porque principalmente a grosseria como foi o meu caso, é uma resposta rápida. Um pá pum! Está feito. O mal estar vem depois. Mas o bom de tudo isto é que quando resolvemos encarar, vamos descobrindo respostas adequadas. E cada um é capaz de pensar melhor, agir melhor para o seu próprio bem. Afinal de contas, o perdão ajuda mais quem perdoa, do que quem é perdoado. Com certeza! Amém!

Esta é a minha opinião, visão, ponto de vista sobre o assunto. Espero refletir bastante sobre este assunto. Ele pode me pegar de surpresa em qualquer hora do dia ou da noite. Vou ter que ser mais rápida do que a minha resposta rápida. Aquela que me faz magoar a quem não preciso e nem devo: amigos, filhos, amores.
Ah, mas o mundo está cheio dos “sem noção”! Sim está, mas não preciso ser um deles, certo?

12 comentários:

  1. Existem muitas formas de ver, sentir e porque não, usar o perdão. Umas pessoas lidam fácil com ele outras não. Então isto quer dizer que não existe uma fórmula para lidar com o perdão. Cada pessoa descobre o seu jeito.
    Podemos conversar sobre isto e encontrar vários caminhoa. Escolher o mais conveniente.
    Então por isto não acho que é fácil perdoar. Tem que haver uma predisposição e se não há, um aprendizado. Todos os dias dar o primeiro passo...

    ResponderExcluir
  2. Anny, ótima observação.
    Perdoar faz um bem danado pra alma, pra mente e pro corpo.
    temos que aprender a perdoar o outro e principalmente á nós mesmos. Somos passíveis de erro e é bom assumir e perdoar essa fraqueza de vez em quando.

    Um beijo e bom fim de semana! :)

    ResponderExcluir
  3. Sabrina:
    Já observei que a maneira como me trato, respeito, ouço, perdôo, amo etc, é a mesma com que me relacio com o mundo. E se não for assim, melhor aprender logo. Difícil para uns mais fácil para outros. Mas, não impossível."Somos passíveis de erro e é bom assumir e perdoar essa fraqueza de vez em quando."
    Acrescento SEMPRE, na sua afirmativa.

    ResponderExcluir
  4. Perdoar nunca é fácil...
    Perdoar com os lábios, da boca prá fora... esse perdão é muito fácil e é geralmente usado em larga escala por aí...
    O difícil mesmo é perdoar com o coração!!! Não guardar ressentimentos, ódio, rancor, dentro do coração. A pessoa perdoar tem que sentir se perdoada...
    Esse perdão faz bem prá alma e pro corpo...Engrandece a mente... O difícil é dar oprimeiro passo em direção ao perdão!!!

    ResponderExcluir
  5. Anny este é um trabalho difícil de ser feito, entender que errou e perdoar, mas você já falou disso com a pessoa que você acha que foi grosseira?
    Este é o outro passo mais difícil, pedir desculpas.
    bjks
    Cristiane

    ResponderExcluir
  6. Cristiane:
    Hoje quando estava no final da caminhada ouvi:- Bom dia Anny!(alegre)
    - Bom dia! Respondi.
    A minha conclusão? Pode ser que ela percebeu a inconveniência de do assunto como aquele. Mas para o morrer aqui,te digo que não faltarão oportunidades para me desculpar. Se tem uma coisa que não me importo é de pedir desculpas. O que recomendo para todos. Garanto que não tira pedaços. Hehe!
    Obrigada pelo comentário.
    Bom final de semana.
    Beijos.
    Anny.

    ResponderExcluir
  7. Milla:
    Foi o que afirmei. Podemos usar de vários sbterfúgios para fugir do assunto e não vai resolver. Vai continuar sendo difícil de enfrentar de dar o primeiro passo. E tenho certeza que para colocar um ponto final no assunto, é preciso meu próprio perdão e o do outro. Mesmo que seja em fantasia.
    Obrigada pelo comentário.
    Beijos,
    Anny.

    ResponderExcluir
  8. DAS UTOPIAS
    Se as coisas são inatingíveis... ora!
    Não é motivo para não querê-las...
    Que tristes os caminhos, se não fora
    A presença distante das estrelas!

    Mário Quintana

    ResponderExcluir
  9. Elizabete:
    "A poesia é uma explicação do mundo."
    O bom éque os poetas dão as respostas deles. Temos que achar as nossas. Que são pessoais e intransferíveis.
    Obrigada pela visita.

    Até mais!
    Anny.

    ResponderExcluir
  10. Anny
    Gosto deste texto sobre um tema que nem sempre é fácil de comentar.
    Parabéns
    Votos de bom fim de semana
    G.J.

    ResponderExcluir
  11. Gaspar:
    Obrigada pelo elogio. Qualquer palavra sua sobre o assunto vale. Mesmo uma ausência dela.
    Bom fim de semana!
    Bjs,
    Anny

    ResponderExcluir

Seu comentário é uma forma de conversa online.
Deixe sua opnião ou questione.
Não seja anônimo!
Obrigada.
Bem vindo!

YouTube

Loading...